Clown Triggerfish 101: Dicas de Cuidados e Alimentação

Você é fã de filmes de terror de palhaços? Se sim, então você vai curtir ler este guia de cuidados sobre o Peixe-palhaço gatilho! Estamos apenas brincando (mais ou menos) já que esses peixes nem chegam perto de parecer um palhaço assustador, pelo contrário, eles são bastante bonitos, mas têm um segredo sombrio que vamos deixar você descobrir enquanto lê

Um palhaço assustador com cara de bravo
Um Peixe-palhaço gatilho parece mais feliz do que esse palhaço assustador!
Tabela de conteúdos

Resumo da Espécie

O Peixe-palhaço gatilho é uma espécie única com coloração vibrante e comportamentos incomuns que o tornam uma excelente adição a um aquário com condições tropicais e peixes companheiros adequados. Conhecido cientificamente como Balistoides conspicillum, os Peixes-palhaço gatilho pertencem à ordem Tetradontiformes, cujo nome significa "portador de quatro dentes". Sem surpresas, esses peixes são predadores carnívoros que mordem com força.

Os Peixes-palhaço gatilho se enquadram na família Balistoides, que tem nove espécies relacionadas. Esses peixes são nadadores únicos porque, em vez de depender de suas barbatanas caudais para se propulsionar na água, eles movimentam constantemente suas barbatanas dorsais e peitorais para se locomover. Essa adaptação os torna nadadores ágeis, capazes de rajadas de velocidade quando usam sua barbatana caudal.

Eles vivem nas bordas dos recifes, perto da queda para as águas abertas em toda a região do Indo-Pacífico, na costa da África do Sul e no Atlântico ocidental. Esses peixes adaptados aos trópicos se aventuram desde as águas rasas do recife até profundidades de 250 pés.

Os Peixes-palhaço gatilho têm quatro dentes superiores e quatro inferiores que são ferramentas multiuso. Eles crescem constantemente porque os peixes se alimentam de invertebrados de casca dura. Eles também usam seus dentes para se agarrarem às rochas, tornando mais fácil se fixar em frestas para se esconder de predadores.

Nota do Autor: Esses peixes são relativamente fáceis de avistar na natureza porque são nadadores aventureiros dispostos a nadar em águas abertas e apresentam cores deslumbrantes que os destacam.

Aparência

O nome Peixe-palhaço gatilho vem de sua aparência colorida brilhante, que se assemelha à maquiagem de um palhaço. Eles têm corpos pretos ovais com manchas brancas assimétricas em sua metade inferior. Embora peixes individuais tenham as mesmas cores, os padrões diferem.

A metade superior do peixe, das peitorais à barbatana dorsal, é amarela com manchas pretas. Uma faixa amarela ou branca une o focinho, mascarando os olhos. Os Peixes-palhaço gatilho podem mover cada olho independentemente. Esses peixes também têm uma boca amarela contornada por um anel branco.

Curiosamente, o brilho de suas cores muda dependendo de sua saúde e humor. Um peixe vívido e brilhante está feliz e prosperando, enquanto um peixe mais opaco sinaliza a necessidade de verificar as condições do tanque e inspecionar o peixe em busca de sinais de doença ou lesão.

Peixe-palhaço gatilho nadando em um aquário de água salgada

Os Peixes-palhaço gatilho também têm três espinhos que se projetam de sua barbatana dorsal e um de seu abdômen. Esses apêndices semelhantes a espinhos são um mecanismo de defesa que dissuade predadores em potencial de morder o peixe. Eles também têm uma função tátil. Quando o peixe quer se esconder em uma caverna ou fenda estreita, pode flexionar os espinhos e encravá-los na rocha ou coral, ancorando o peixe no lugar. Essa adaptação é como o Peixe-palhaço gatilho pode dormir com segurança.

Blue Devil Damselfish 101: Comportamento, Dieta e MaisBlue Devil Damselfish 101: Comportamento, Dieta e Mais

Nota do Autor: Ao selecionar seu Peixe-palhaço gatilho, o sexo não importa. Machos e fêmeas têm aparências idênticas. Gatilhos juvenis têm manchas em ambas as metades de seus corpos, o que desaparecerá com o tempo à medida que amadurecem para sua coloração adulta.

Expectativa de Vida

Biólogos marinhos estimam que a expectativa de vida do peixe-palhaço gatilho seja de cerca de 8 anos na natureza. Em cativeiro, aquaristas relatam que o Peixe-palhaço gatilho pode viver até 20 anos com cuidados e condições adequadas no aquário.

Tamanho Médio

Os Peixes-palhaço gatilho têm um tamanho decente, pois podem crescer até 19 polegadas de comprimento. Você pode comprá-los quando eles têm menos de 2 polegadas de comprimento. Eles são relativamente resistentes e geralmente se adaptam bem a aquários. Eles crescerão alguns centímetros a cada ano, com alimentação e condições de água adequadas, até atingirem seu tamanho total.

Cuidados com o Peixe-Palhaço Gatilho

A maioria dos especialistas considera que cuidar de um Peixe-palhaço gatilho é de fácil a moderadamente desafiador. Grande parte da dificuldade se deve à personalidade e ao estilo de vida ativo do peixe. No entanto, eles geralmente prosperam uma vez adaptados ao seu tanque com espaço suficiente e condições adequadas.

Nota do Autor: Além disso, um aquário de vidro é preferível ao acrílico. Os Peixes-palhaço gatilho usam a boca e os dentes enquanto exploram. Eles podem facilmente arranhar o acrílico e até mesmo lascar o vidro.

Tamanho do Aquário

Para ter um peixe-palhaço gatilho saudável, o tamanho do aquário deve ser de pelo menos 120 galões. Para condições ideais, você precisa de um aquário de 200 galões ou maior. Eles são "vagantes", então precisam de espaço adequado para explorar e patrulhar seu território. Simultaneamente, você deve fornecer espaços de esconderijo amplos para seu peixe usar à noite. Acomodar adequadamente o tamanho do seu Gatilho é essencial para minimizar o estresse.

Parâmetros da Água

  • Temperatura da água: 74 a 80°F
  • Níveis de pH: 8,1 a 8,4
  • Dureza da água: 8 a 12 dKH
  • Gravidade específica: 1,020 a 1,25 sg

O que Colocar no Aquário

Os Peixes-palhaço gatilho são peixes ativos e agressivos que explorarão cada centímetro do seu aquário. Preencha o aquário com rocha viva, levando em consideração o grande porte do peixe. Seu Gatilho precisará de espaços para se esconder, então você precisa deixar frestas grandes o suficiente para que eles habitem.

Nota do Autor: Eles moverão e desestabilizarão rochas, corais e decorações por causa de seu poder e natureza laboriosa. Prender firmemente o conteúdo do tanque evitará danos ao tanque ou ferimentos em outros peixes.

Devido à sua tendência de escavar e desalojar material, os Peixes-palhaço gatilho não são adequados para recifes. Eles danificarão seu coral.

Possíveis Doenças Comuns

Como a maioria dos outros peixes tropicais de água salgada, os Peixes-palhaço gatilho são suscetíveis à Crypt. Você pode identificar essa infecção por pequenas manchas brancas nas barbatanas. Às vezes, eles podem desenvolver Oodinium, uma doença que resulta em pequenos pontos brancos ou cinzentos por todo o corpo e movimentos branquiais rápidos.

Guia de Cuidados com o Peixe-Palhaço OcellarisGuia de Cuidados com o Peixe-Palhaço Ocellaris

Além dos sinais típicos de doença, fique atento à descoloração e comportamento lento ou letárgico de seu peixe. A inatividade é muitas vezes um sinal de doença nesses peixes caracteristicamente curiosos e irrequietos.

Alimentação e Dieta

Ao contrário de muitas outras espécies, a dieta de seu Peixe-palhaço gatilho é um dos aspectos menos desafiadores dos cuidados. Eles são carnívoros ativos que geralmente comem qualquer coisa que você ofereça. Na natureza, eles caçam crustáceos como camarões, caranguejos e moluscos. Infelizmente, se você mantiver um Gatilho, eles devorarão quaisquer crustáceos que você tente introduzir em seu tanque.

Especialistas recomendam fornecer ao seu Palhaço opções alimentares variadas para mantê-lo engajado e satisfeito. Amêijoas, krill, peixes prateados e camarões são excelentes escolhas. Seu peixe precisa de alimentos duros para se banquetear porque seus dentes crescem continuamente. Quebrar suas refeições evita o crescimento excessivo que levará a infecções bucais.

Nota do Autor: Especialistas sugerem alimentar seu Peixe-palhaço gatilho de duas a três vezes por dia. Eles estão constantemente com fome devido à sua exploração incessante e grande porte.

Além de invertebrados, eles aceitarão frutos do mar congelados, incluindo lula, peixe e pedaços de outras proteínas. Tenha cuidado ao alimentá-los, pois eles mordem. É melhor colocar a comida no tanque em vez de oferecer refeições em um bastão de alimentação.

Comportamento e Temperamento

Os Peixes-palhaço gatilho são agressivos e territoriais. Eles são solitários na natureza. Como resultado, você só pode manter um Peixe-palhaço gatilho em seu aquário. Esses peixes são relativamente dóceis e tímidos quando jovens.

Até atingirem cerca de 8 polegadas, eles passarão a maior parte do tempo escondidos entre as pedras, emergindo apenas para se alimentar. No entanto, assim que ultrapassarem 8 polegadas, eles se tornam cada vez mais hostis até atingirem o tamanho completo.

Gatilhos adultos estão constantemente com fome e vasculham seu ambiente em busca de alimento. Aquaristas habilidosos podem alavancar esses atributos para treinar e condicionar seus peixes. Eles podem aprender a aceitar alimentação direta.

Balistoides Conspicillum procurando comida

Devido à sua natureza insaciável, espécies de peixes pequenas e de movimento lento são presas potenciais e não devem ser companheiras de tanque. Além disso, os Peixes-palhaço gatilho rapidamente devorarão qualquer invertebrado que encontrarem.

A natureza combativa dos Gatilhos se estende além dos membros de sua espécie e presas fáceis. Muitas criaturas com reputação de "valentões" têm as mesas viradas quando vivem ao lado de Peixes-palhaço gatilho. Eles morderão e atacarão enguias, peixes-leão e tubarões.

Cuidado com Mandarin Goby: Alimentação e Companheiros de AquárioCuidado com Mandarin Goby: Alimentação e Companheiros de Aquário

Nota do Autor: Os Palhaços são ativos durante o dia e se retirarão para um local isolado para dormir à noite. Eles se saem bem com 10 horas de luz e 14 horas de escuridão. É melhor usar um temporizador para estabelecer um ciclo dia-noite consistente.

Seu peixe será um explorador ativo, constantemente revolvendo o tanque e virando as pedras. Eles são considerados relativamente temperamentais e podem passar por períodos de inatividade e comportamento sedentário.

É fundamental monitorar o peixe, mas se nenhum dos companheiros de tanque apresentar sinais das doenças comuns de água salgada, o Gatilho provavelmente está apenas se comportando de forma temperamental. Continue as alimentações e garanta que o peixe tenha espaço adequado para vagar e material para perturbar e cavar.

Os peixes-gatilho podem causar estragos quando não efetivamente engajados. Aquaristas relatam que o peixe roerá e morderá qualquer fio e tubulação de filtros ou bombas aos quais possa acessar. Aquascape efetivo e fornecimento de rocha viva é essencial. Esses peixes podem destruir o vidro em aquários com pisos desprotegidos.

Companheiros para o Tanque do Peixe-Palhaço Gatilho

Embora esses peixes sejam agressivos e atacarão quando provocados ou ameaçados, eles coexistem pacificamente com muitas espécies, incluindo:

  • Peixes-anjo (como este Peixe-anjo imperador)
  • Garoupas
  • Cherne
  • outras espécies de peixe-gatilho
  • Peixe-porco (cerca de 80% dos peixes-porco são de água salgada e se você quiser aprender sobre os de água doce, temos este guia de cuidados do Peixe-porco anão)
  • Cirurgiões (como o Cirurgião roxo)
  • Donzelas

Reprodução

Infelizmente, é impossível reproduzir com sucesso os Peixes-palhaço gatilho em um aquário porque você não pode manter dois peixes juntos com sucesso, independentemente do sexo. Ao selecionar seu Peixe-palhaço gatilho, é melhor comprar um juvenil. Além da facilidade de adaptar esse peixe ao seu tanque, introduzi-los quando jovens permitirá que eles se desenvolvam junto com os companheiros do tanque. Essa familiaridade pode ajudar a moderar seu comportamento quando atingirem a idade adulta.

Na natureza, os Peixes-palhaço gatilho se reúnem em massa em áreas de desova estabelecidas. Os machos então constroem ninhos. A tenacidade da espécie é aparente durante a época de acasalamento, pois os machos lutam por seu território de reprodução. Os machos fazem uma exibição para atrair uma fêmea para seu ninho.

Ela então depositará seus ovos, que o macho fertiliza. O par então guarda o ninho juntos por cerca de oito dias. A fêmea sopra bolhas em torno dos ovos para oxigená-los. Uma vez que os ovos eclodem, a fêmea deixa as áreas de desova ou procura outro macho.

Conclusão

Esse incrível peixe-palhaço gatilho não é brincadeira! Quem diria que um peixe bonito como esse poderia ser tão agressivo? Por outro lado, é meio legal que você pode treiná-los para serem alimentados diretamente.

Esperamos que você tenha gostado de aprender sobre esse peixe tanto quanto nós. Você pode aprender mais sobre outros peixes de água salgada nesses guias de cuidados e não se esqueça de compartilhar isso com outras comunidades de aquaristas!

Ana Santos

Ana cultivou um fascínio por aquariofilia desde pequena. Com um olhar atento e uma paixão por peixes, ela criou seu próprio santuário aquático em casa. Hoje, Ana é uma referência na comunidade de aquariofilia brasileira, compartilhando seu conhecimento e promovendo a preservação dos ecossistemas aquáticos através de workshops e palestras. Com dedicação e amor, Ana transformou sua paixão em uma jornada de aprendizado e descobertas constantes no mundo subaquático.

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go up

Usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar usando este site, assumiremos que você concorda com isso. Mais informações