Cuidado com Peixe-Gato Otocinclus: Guia de Alimentação e Reprodução

Otocinclus são facilmente um de nossos peixes de água doce favoritos.

Para começar, eles ajudam seu aquário comendo as algas que se acumulam com o tempo. Se você é um aquarista há algum tempo, sabe o quão bom é ter uma pequena ajuda extra!

Otos também são peixes muito tranquilos e pacíficos que podem ser combinados com uma variedade de companheiros de aquário. Você nunca tem que se preocupar que eles comecem uma briga.

Por último, eles são super fáceis de cuidar. Otocinclus estão entre os peixes de manutenção mais baixa que existem.

Ah sim, e eles são super fofos! Nós simplesmente amamos esses peixinhos!

Este guia cobrirá tudo o que você precisa saber sobre o cuidado com Otocinclus e qualquer informação adicional que será útil se você for um proprietário. Nos divertimos muito preparando este.

Tabela de conteúdos

O que são Otocinclus?

Otocinclus são considerados um pequeno bagre de água doce. Esses peixes vêm em cerca de 19 espécies diferentes da família Loricarlidae.

Algumas pessoas chamam esses peixes dóceis de "sugadores anões" ou "otos" como apelidos apropriados para esses peixes e suas excepcionais habilidades de comer algas. Esses caras podem fazer uma diferença significativa na qualidade da água de seus aquários de água doce.

Otocinclus vêm em uma grande variedade de tamanhos, cores e padrões, e eles são nativos da América do Sul. A grande maioria desses peixes pode ser encontrada na Venezuela e na região superior da Argentina.

Uma coisa interessante a se notar é que esses peixes preferem viver em rios menores. Isso vai contra a suposição comum de que todos os bagres gravitam em direção a rios e corpos d'água grandes.

Corydoras 101: Tipos, Alimentação e Informações do TanqueCorydoras 101: Tipos, Alimentação e Informações do Tanque

Otocinclus podem ser adições fantásticas para quase qualquer tipo de aquário de água doce, e mesmo iniciantes em aquariofilia devem ser capazes de lidar com o cuidado simples que esses peixes tranquilos exigem.

Expectativa de vida do Otocinclus

Esses peixes podem viver de 3 a 5 anos se o tanque e a água forem mantidos em boas condições e suas necessidades básicas forem atendidas. Como qualquer animal, cuidados precários e vida em um ambiente estressante podem afetar significativamente sua expectativa de vida.

O que procurar ao comprar

Um truque antes de comprar esses pequenos bagres de aquário de uma loja de animais é escolher peixes mais gordos. Evite otos com aparência magra, pois uma vez que a inanição começa nesses bagres, é difícil reverter mais tarde. Este é um problema muito comum que os novos proprietários enfrentam, então seja um pouco exigente na hora de escolher!

Além disso, procure por peixes saudáveis que tenham olhos brilhantes e um tamanho maior. Obviamente, evite peixes que lutam para nadar ou respirar (por mais triste que seja, provavelmente você não conseguirá recuperá-los). Escamas turvas e olhos podem indicar doença de ich, comum em peixes de aquário.

Aparência e tamanho

A maioria das variedades de Otocinclus são pequenas, com adultos raramente crescendo mais de 2 polegadas. Este tamanho os torna um dos peixes de nano aquário mais populares por aí.

Alguns dos menores Otos medem apenas 1 polegada de comprimento. Esses peixes têm uma forma cilíndrica regular, e essa forma do corpo estreita um pouco na nadadeira caudal e na região da cabeça.

Otocinclus on plant in aquarium

O peixe tem uma boca maior que adere às superfícies com força enquanto suga algas grudadas no vidro do aquário e até em plantas vivas dentro de seu tanque.

As cores e padrões que você encontrará nesses peixes também são muito impressionantes. Em nossa opinião, a beleza dos Otos é seriamente subestimada!

Um traço comum que você notará é que a maioria dos tipos de Otocinclus tem uma distinta faixa marrom que se estende pelo corpo.

Os bagres de água doce da família Loricariidae também têm fileiras de placas de armadura perceptíveis em seus corpos que os protegem de outros peixes que são mais enérgicos ou agressivos. Também é bom para lidar com superfícies ásperas que eles possam encontrar enquanto raspados de algas de fundos arenosos de rio na natureza.

Cuidados com a Planta Cabomba: Guia CompletoCuidados com a Planta Cabomba: Guia Completo

Quais são os diferentes tipos?

Existem muitos tipos diferentes de Otocinclus, e esses peixes pacíficos fazem excelentes adições a aquários comunitários devido ao seu temperamento não agressivo.

Alguns dos tipos mais comuns de Otocinclus de água doce incluem:

  • Otocinclus comum (Otocinclus vittatus)
  • Otocinclus zebra (Otocinclus Cocama)
  • Oto dourado (Otocinclus affinis)
  • Otos prateados (Otocinclus vestitus)
  • Oto anão (Otocinclus macrospilus)

Vamos dar uma olhada mais de perto em cada um deles.

Otocinclus comum:

Uma das espécies de Otocinclus mais generalizadas e comuns, esta variedade pode ser encontrada em toda a região da América do Sul, às vezes até em partes do rio Amazonas, onde outros peixes de seu tamanho tendem a evitar.

Ao olhar para o topo deste peixe, um padrão marrom salpicado é observado. Sua parte inferior é branca e uma faixa marrom distinta pode ser vista descendo pelos lados, começando na cabeça até alcançar a nadadeira caudal. As outras nadadeiras geralmente são transparentes.

Otocinclus zebra:

Como o nome sugere, este peixe apresenta listras pretas e brancas ousadas situadas verticalmente desde a parte de trás da cabeça até a nadadeira caudal. O peixe também tem listras horizontais na cabeça. Como essas listras não são todas perfeitamente retas, algumas pessoas chamam esse tipo de Otocinclus de Otos Tigre, para encurtar.

Oto anão:

Este tipo de Otocinclus se parece muito com o Oto comum à primeira vista. Isso inclui a mesma faixa marrom escura pela qual outros Otos são conhecidos.

No entanto, olhando mais de perto, a nadadeira caudal é um pouco diferente. Geralmente, a faixa marrom empalidece ou desaparece quando chega à barbatana. Há também uma mancha perceptível na cauda desta variedade de Oto.

Oto dourado:

Às vezes confundido com Otos comuns, esta variedade tem faixas marrons menos pronunciadas que podem parecer douradas, como o nome sugere.

Otos prateados:

Novamente refletindo seu nome, o Oto prateado apresenta padrões de cor marrom que parecem prateados. Caso contrário, é difícil distinguir esses peixes de outras variedades de Otos.

Camarão Amano: Guia de Cuidados e ReproduçãoCamarão Amano: Guia de Cuidados e Reprodução

Cuidados com o Otocinclus

Os cuidados recomendados para o bagre Otocinclus são relativamente simples e requerem pouco esforço extra. Esta é parte do que os torna tão atraentes para os proprietários de tanques, eles têm manutenção muito baixa!

Em geral, esses peixes passam muito tempo perto do fundo do tanque, pois é lá que as algas tendem a estar. Eles também são adaptáveis e podem suportar mudanças em seu ambiente melhor do que outros peixes de seu tamanho menor.

Eles também são muito dóceis e se dão bem com quase todas as outras espécies de água doce. Isso significa que é improvável que eles se metam em encrencas no seu tanque. Na natureza, esses peixes viajam e vivem em cardumes, o que os ajuda a permanecer seguros também.

No geral, se você está procurando peixes de água doce que fornecem muitos benefícios sem nenhum incômodo, tem que classificar os Otos bem no topo.

Condições do tanque e da água

Em seus habitats nativos da América do Sul, esses peixes costumam se prender a rochas, cascalho e outras superfícies de fundo de rio que contêm crescimento de algas. Eles tendem a pastar em algas e muitas vezes permanecem em grupos para melhor se protegerem de peixes maiores.

Aqui estão os parâmetros de água que você deseja alcançar:

  • Temperatura da água: deve ser mantida em uma faixa mais quente, entre 72°F e 79°F.
  • Níveis de pH: deve ser mantido neutro, entre 6,8 e 7,5
  • Dureza da água: esses peixes se saem bem em água macia, com leituras não superiores a 15dH para melhores resultados.

Embora os Otos tendam a manter as condições do tanque mais limpas, já que são comedores de algas, ainda é importante realizar trocas de água semanalmente a a cada duas semanas. Isso ajuda a evitar o acúmulo perigoso de nitratos e amônia. Mantenha esses níveis estáveis para manter um ambiente de vida saudável para seus peixes.

Como os Otos vivem principalmente nos fundos de seus ambientes aquáticos, escolha um substrato de grãos mais arenosos para o fundo do aquário e evite superfícies mais ásperas que possam danificar esses peixes enquanto pastam as algas.

Arranhões na superfície do corpo desse peixe podem levar a infecções e outras doenças, portanto, devem ser feitos esforços para garantir a segurança desses habitantes do fundo. Embora eles tenham alguma proteção na barriga, vocênão deve confiar nisso.

Coloque uma variedade de itens decorativos em todo o tanque para também servir como refúgios para esses peixes sempre que ficarem cansados ou estressados. Pedras maiores podem ser usadas para fazer esconderijos semelhantes a cavernas onde seus Otos adorarão descansar quando necessário.

Embora os Otos preferem água oxigenada, nenhuma bomba de ar especial é necessária para a vida no aquário. Bombas e luzes padrão de aquário funcionam bem.

Requisitos de tamanho do tanque Otocinclus

O tamanho mínimo do tanque Otocinclus deve ser de aproximadamente 10 galões. Isso significa que você pode abrigar com segurança de 4 a 6 Otos, e mais podem ser adicionados à medida que o tamanho do tanque aumenta.

As plantas devem ser adicionadas ao aquário, e a luz natural com alguma sombra é preferida para ajudar esses peixes a prosperar.

Alimentação e dieta

Otos são considerados herbívoros, o que significa que são vegetarianos. Embora comam principalmente algas em seus habitats nativos, os proprietários de peixes devem fornecer outros alimentos para os Otos que vivem em aquários.

Plantas vivas no aquário fornecerão uma fonte de alimento de algas e seus Otos tranquilos também podem usar as bases das plantas como esconderijos rápidos.

Lojas de animais que vendem peixes muitas vezes têm wafers de algas que também podem ser usados para alimentá-los. Outros mantimentos básicos da cozinha também podem ser usados, e alguns itens naturais excelentes incluem:

  • Abobrinha
  • Alface
  • Espinafre

Picar esses ingredientes em pedaços menores e adicioná-los ao seu tanque várias vezes por semana, se quiser dar a eles alguma variedade. Certifique-se de que a fonte de alimento afunda até o fundo.

Qualquer sobra de comida não comida em 24 horas deve ser removida do aquário. Isso ajudará a manter seu tanque limpo e a manter uma qualidade de água aceitável.

Os proprietários de peixes também podem fazer suas próprias comidas vegetarianas para peixes, se desejarem. Lembre-se de manter a comida equilibrada e nunca alimente seus peixes em excesso.

Comportamento e temperamento

Como já foi dito, as variedades de peixe Otocinclus tendem a ser calmas e dóceis no temperamento. Esses peixes não se tornarão agressivos com outros peixes.

Por causa de sua natureza e pequeno tamanho, eles podem ser assediados ou comidos por outros peixes maiores que não são bons companheiros de tanque (mais sobre isso na próxima seção).

Otocinclus staying on the bottom of the tank

Os Otos tentam ficar fora do caminho na maior parte do tempo. Eles podem nadar muito rápido, e você perceberá rapidamente que esses peixinhos podem facilmente atravessar o tanque se incomodados ou assustados.

Como mencionamos na seção de requisitos do tanque, é importante que os proprietários forneçam esconderijos no aquário para que os Otos menores tenham um refúgio quando perturbados por outros.

Otocinclus tendem a viajar em cardumes, e é melhor ter vários desses peixes juntos ao configurar um ambiente de aquário.

Companheiros ideais de tanque

Existem muitos companheiros de tanque Otocinclus que você pode considerar. Isso se deve à sua personalidade e comportamento agradáveis e não ameaçadores em relação aos outros dentro de um tanque.

Você deve evitar parear esses peixes pacíficos com peixes conhecidos por serem agressivos por natureza. Além disso, evite o pareamento com outros peixes que tenham uma boca grande o suficiente para engolir facilmente seus Otos gentis!.

Exemplos de peixes a serem evitados incluem muitos Ciclídeos ou o agressivo Oscar.

Por outro lado, boas escolhas de companheiros de tanque incluem:

Além disso, os proprietários de peixes podem adicionar invertebrados como certos caramujos de aquário de água doce e camarões aos aquários contendo Otocinclus. Alguns companheiros de tanque que as pessoas gostam de parear com Otos são Amano ou camarão cereja. Apenas certifique-se de que haja algas suficientes para todos!

Reprodução de Otocinclus

A maioria dos especialistas em peixes diz que reproduzir Otocinclus pode ser difícil em cativeiro. No entanto, pode ser feito com esforço e tentativa.

Primeiro e acima de tudo, se você não está comprometido em manter o tanque e a água em condições fantásticas, nem tente. Manter o tanque limpo é essencial para qualquer reprodução bem-sucedida.

Outras condições do tanque também precisam estar próximas da perfeição para que a reprodução funcione. Um pequeno aumento na temperatura da água do tanque pode ajudar a sinalizar aos outros peixes que o acasalamento é desejável. É assim que os Otocinclus se reproduzem em seus ambientes naturais.

Quando os peixes estão prontos para acasalar, você pode notar machos Otos perseguido fêmeas. O macho precisa fertilizar os ovos da fêmea normalmente depositados em pequenas pilhas pelo chão do tanque.

Se o processo de reprodução for bem-sucedido, você verá pequenos alevinos nadando perto do fundo após alguns dias.

Além das condições ideais de água do tanque, os Otos devem receber uma dieta adequada com nutrição suficiente antes de tentar reproduzir esses peixes em um ambiente de aquário.

Resumindo

Como você pode ver, existem uma série de benefícios em ter Otocinclus no seu tanque. Eles não requerem muitos cuidados, são bastante pacíficos e se livram de muitas das algas em excesso no seu tanque.

Também são uma delícia de se observar nadando pelo seu aquário e têm uma aparência incrível!

Recomendamos vivamente que você adicione alguns ao seu aquário de água doce se tiver companheiros de tanque que sejam uma boa opção. Você não vai se arrepender!

José Ferreira

José, amante de todos os aquários, dedicou sua vida à aquariofilia, criando habitats aquáticos detalhadamente planejados. Um verdadeiro conhecedor de peixes, José se destaca na comunidade aquarista, sendo uma referência no mundo subaquático.

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go up

Usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar usando este site, assumiremos que você concorda com isso. Mais informações