Botia Palhaço: Tamanho do Tanque e Expectativa de Vida

Patinhos do palhaço são um dos peixes de aquário de água doce mais populares na cena de aquariofilia. Eles são encontrados em aquários em todo o mundo!

E é bastante óbvio o porquê.

Estes peixes são fáceis de cuidar e absolutamente lindos. Isso os torna uma ótima escolha para iniciantes que querem adicionar um toque de cor ao seu aquário (ou aquariofilistas experientes que não querem uma espécie de alta manutenção).

Este guia cobrirá os fundamentos dos cuidados com o Patinho do Palhaço para ajudá-lo a saber o que esperar e como ajudá-los a prosperar. Você aprenderá sobre o tamanho ideal do aquário, dieta, companheiros de aquário e mais!

Tabela de conteúdos

Resumo da Espécie

O Patinho do Palhaço (nome científico: Chromobotia macracantha) é um peixe de água doce pacífico com uma aparência peculiar.

Apropriadamente nomeado por suas cores vibrantes, estes peixes fazem lindos acréscimos a aquários comunitários. Eles são amplamente distribuídos e têm sido um pilar na comunidade de aquariofilia por várias décadas.

Um Patinho do Palhaço nadando em direção ao vidro do aquário

Eles vêm das águas interiores nas ilhas indonésias de Bornéu e Sumatra. Curiosamente, estes peixes servem como uma fonte valiosa de alimento para aqueles que vivem na área. No entanto, graças à sua propensão para desovar em grandes números, os peixes selvagens também são vendidos em todo o mundo.

Resistentes e fáceis de cuidar, os Patinhos do Palhaço são uma excelente escolha para aquariofilistas de qualquer nível de habilidade.

Tamanho Médio do Patinho do Palhaço

O tamanho médio do Patinho do Palhaço quando totalmente crescido é de cerca de 12 polegadas. Diz-se que eles podem ficar um pouco mais longos na natureza, mas a maioria dos peixes atingirá esse comprimento quando mantidos em cativeiro.

Quando você vê esses peixes em lojas de animais, eles geralmente têm no máximo duas ou três polegadas de comprimento. Como resultado, muitos proprietários potenciais cometem o erro de pensar que esses são peixes pequenos. Como você pode ver, este definitivamente não é o caso.

Barbo Rosy: Guia de Reprodução e DietaBarbo Rosy: Guia de Reprodução e Dieta

Nota do Autor: Os Patinhos do Palhaço têm uma taxa de crescimento moderada mas constante. Isso significa que, se você começar com eles em um aquário menor quando eles não são tão grandes, você não terá muito tempo antes de precisar fazer upgrade.

Expectativa de Vida

A expectativa de vida típica do Patinho do Palhaço em cativeiro é de pelo menos 10 anos.

Existem muitos fatores que podem afetar a expectativa de vida deste peixe. Em condições naturais impecáveis, esta espécie pode viver supostamente até 25 anos! No entanto, isso é bastante raro em cativeiro.

Apesar de sua longa expectativa de vida potencial, os Patinhos do Palhaço não são imunes a problemas de saúde. Condições de vida precárias e a falta de bons cuidados podem encurtar suas vidas.

Aparência

Não há como negar que os Patinhos do Palhaço têm uma aparência interessante. Tudo, desde sua forma até sua cor, é único!

O corpo do Patinho do Palhaço é notavelmente arqueado. A linha dorsal é curva, enquanto a parte inferior do peixe é plana. Essa linha dorsal superior se curva da base da cauda até a boca virada para baixo!

A boca deste peixe de água doce é semelhante à dos bagres e outros loaches. Vários pares de barbilhões circundam seus lábios carnudos para ajudar a catar comida.

Embora seja difícil de ver, esses peixes têm espinhos pontiagudos. Eles estão localizados logo abaixo dos olhos e podem se estender como um mecanismo de autodefesa. Eles não são venenosos, mas os espinhos podem beliscar seu dedo ou ficar presos na rede.

Alguns Patinhos do Palhaço procurando comida

O Patinho do Palhaço é coberto por várias cores. Estes peixes de água doce coloridos são principalmente amarelo-alaranjado. O vigor dessa cor pode variar de peixe para peixe. Você verá alguns peixes com laranja marcante, enquanto outros têm amarelo mais subjugado.

De qualquer forma, a cor base é acompanhada por três faixas pretas. As faixas são verticais e assumem uma forma triangular. A faixa da frente cobre o olho como uma máscara, enquanto a faixa de trás se estende pela nadadeira dorsal.

Rasbora Tesoura: Tamanho e Expectativa de VidaRasbora Tesoura: Tamanho e Expectativa de Vida

A maioria das nadadeiras é vermelho brilhante. Embora alguns peixes provenientes de Bornéu tendam a ter pigmentação preta nas nadadeiras peitorais.

O Patinho do Palhaço é sexualmente dimórfico. Os machos geralmente são mais vibrantes e coloridos. Eles também têm uma cauda maior com uma forma de "V" mais exagerada. Enquanto isso, as fêmeas geralmente são um pouco mais rechonchudas.

Cuidados

Há uma razão pela qual esta espécie é vista com tanta frequência na comunidade de aquariofilia! O cuidado com o Patinho do Palhaço é muito fácil, pois esses peixes podem se adaptar bem à maioria das condições do aquário.

Ao contrário de outras espécies, eles não são muito exigentes. Esta espécie pode lidar com pequenas flutuações em seu habitat sem grandes problemas.

Isso dito, fornecer um nível ideal de cuidados é sempre importante. O objetivo é fornecer um ambiente em que esses peixes possam viver vidas felizes e saudáveis. Para fazer isso, siga as diretrizes de cuidados estabelecidas abaixo.

Tamanho do Aquário do Patinho do Palhaço

Como esses peixes são vendidos como juvenis, muitos não estão preparados para acomodar sua taxa de crescimento constante. Para evitar cometer esse erro, você precisa planejar um tanque espaçoso desde o início.

No mínimo, um grupo de juvenis deve ser mantido em um aquário de 75 galões.

No entanto, recomendamos utilizar um aquário que possa conter 100 galões ou mais. Isso proporcionará espaço suficiente para nadar e crescer.

Agora, como adultos, o tamanho mínimo do tanque aumenta significativamente. Para um pequeno grupo de Patinhos do Palhaço adultos, você precisará de um aquário que possa conter 150 galões de água ou mais.

Como regra geral, os adultos precisam de cerca de 30 galões de espaço cada.

Ciclídeo Lobo: Guia de Tamanho e DietaCiclídeo Lobo: Guia de Tamanho e Dieta

Parâmetros da Água

A coisa mais importante a considerar ao cuidar de qualquer peixe são as condições da água. Seus peixes só podem permanecer saudáveis quando estiverem no ambiente certo. Felizmente, gerenciar os parâmetros da água é uma das partes mais fáceis dos cuidados com o Patinho do Palhaço.

Esses peixes vêm de águas tropicais quentes. Como resultado, eles se sairão muito bem em condições de aquário tropical padrão. Siga estes parâmetros e você não deverá ter problema em manter seus peixes saudáveis.

  • Temperatura da água: 72°F a 86°F (por volta de 78°F a 79°F é o ponto ideal)
  • Nível de pH: 6.0 a 7.5
  • Dureza da água: 8 a 12 KH

Também é muito importante realizar testes regulares da água para ter certeza de que esses parâmetros estão sendo mantidos. Use um kit de teste confiável e verifique o aquário a cada alguns dias.

Isso permitirá que você forneça consistência e evite quaisquer mudanças indesejadas. Embora esses peixes sejam bastante resistentes, eles não são imunes a condições de água sub-ótimas.

O que Incluir no Aquário

Decorar seu novo aquário é onde você pode se tornar um pouco criativo. Os Patinhos do Palhaço adoram um aquário bem decorado, cheio de plantas e esconderijos naturais.

Durante a maior parte de sua vida, os peixes vivem em grandes rios de fluxo lento. No entanto, eles geralmente se mudam para pântanos mais rasos após a estação das monções.

Para replicar esse ambiente, preencha o fundo do aquário com um substrato arenoso. Você pode misturar pequenas pedras, seixos e cascalho para dar uma aparência mais natural.

Em seguida, encha o aquário com todo tipo de plantas vivas!

Um único Patinho do Palhaço de água doce em um aquário bem plantado

As plantas servirão como um esconderijo para os peixes, além de fornecer alguma sombra muito necessária. Recomendamos plantas como Musgo Java, Hornwort, Espirradeiras, Anubias, Riccia fluitans e plantas Espada do Amazonas.

Incorpore uma mistura saudável de plantas flutuantes e submersas. Depois disso, adicione algumas madeiras à deriva, pedras e cavernas.

Nota do Autor: Mantenha a iluminação relativamente subjugada. Na natureza, as águas que eles habitam são mais escuras. Então, luzes fortes só atrapalhariam seu ciclo natural.

O equipamento de filtragem padrão funcionará bem com este peixe (não há necessidade de obter nada de alta potência). Desde que possa ciclar efetivamente o tanque para remover amônia e nitratos, ele atenderá bem ao seu peixe.

José Ferreira

José, amante de todos os aquários, dedicou sua vida à aquariofilia, criando habitats aquáticos detalhadamente planejados. Um verdadeiro conhecedor de peixes, José se destaca na comunidade aquarista, sendo uma referência no mundo subaquático.

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go up

Usamos cookies para garantir que você tenha a melhor experiência em nosso site. Se você continuar usando este site, assumiremos que você concorda com isso. Mais informações